Author

Daniel Abrunheiro

Daniel Abrunheiro has 174 articles published.

Opinião

Rosário breve – Uma gratidão vezes 32

Não se trata nem de elitismo meu nem de apatia minha – mas a verdade é que sinto cada vez mais repulsa por certo opinativo-jornalixo que neste morredouro de tansos chamado Pátria se pratica 24 horas por dia / 7 dias por semana / 12 meses por anos: julgo eu que desde 1143, ainda por… Continuar a ler

Opinião

Rosário Breve – Efeméride com asas & garras

Novembro é muito mnemónico para mim, tirante os outros onze meses de cada anuário. Vós tendes lido que sim, não ireis agora desmentir-me sem sequer me dar cá por esta palha. Foi a 1 de Novembro de 1981. Sétimo de sete filhos, era eu finalmente dono & senhor do meu quarto de celibatário sem pulsões… Continuar a ler

Opinião

Rosário Breve – Efeméride com recado

1 Foi há quarenta anos. A 5 de Novembro de 1977, vi publicado, pela vez primeira na vida, um texto meu. E logo no suplemento literário infanto-juvenil de um jornal de âmbito nacional. Eu tinha treze anos – e o senhor meu Pai era comprador e leitor quotidiano de dois diários nacionais, nesses anos em… Continuar a ler

Opinião

Rosário Breve – Escrevo sempre a mesma coisa, ora vejam

1 (2006) – Antuzede, o Sol mais total deste mundo. Tenho quatro anos. Há funeral de alguém velho, alguém da terra do Pai. O Pai leva-me. Recordo a totalidade pânica do Sol. Em descampado (ou em esta mesma Praça, tantos anos depois’antes), a urna – negra, toda feita de sombra. A par do achado (sob… Continuar a ler

Opinião

Rosário Breve – Fora, Pedro! Bem-vindo, Tomé!

Ando há tempos para V. dar conta de dois livros intimamente ligados a Santarém cuja leitura fiz com zelo, lápis, agrado e proveito. Ainda não vai ser desta. E ainda não vai ser desta porque a chaga incendiária – que nos mata tanta gente, nos destrói tantas habitações, nos arrasa tantas matas e nos pulveriza… Continuar a ler

Opinião

1 Descalço, saltei do muro para a banda do monte, cortei-me no pé direito, sangrei muito – e ainda sangro. Não singro, mas sangro. 2 Abraçava os meus cães & os alheios, beijava-os no rosto, sentia deles o frémito humano, olhos de quem entendia o que se lhes dava: como tão pouca gente-gente entende. Ou… Continuar a ler

Opinião

Rosário breve – Adeus, campo da Senhora das Neves

Foi há 35 anos que conheci o meu querido Amigo A.L.C. Jogámos à bola com o mesmo emblema ao peito umas várias temporadas. Hoje em dia, ele é candidato a presidente da junta de freguesia do seu nascimento e residência. Quis e veio conversar comigo a propósito desse seu propósito. Mostrou-me fotografias. A do nosso… Continuar a ler

Opinião

Rosário breve – Vinde daí comigo à Avenida

Deveria ter menos de trinta anos, o rapaz de rosto hirsuto que vasculhava o contentor do lixo. Foi na zona intermédia da Avenida, à sombra dos plátanos poeirentos que filtram a luz inclemente do Sol. Procurava talvez a fortuna por ele perdida nalgum desvão desses que a vida funda & afunda, sem clemência ela também.… Continuar a ler

1 2 3 20
0 0.00
Ir para Topo