Author

Daniel Abrunheiro

Daniel Abrunheiro has 195 articles published.

Opinião

Rosário Breve – Fala o enfermo

Tenho sido por estes dias (com suas precárias noites) o alvo involuntário mas resignado de um episódio febril mancomunado com um foco infeccioso em determinada reentrância do corpo, muito jeitosos ambos. Fui às cordas mas não atirei a toalha ao chão. Na mesinha-de-cabeceira, o costume: chá, comprimidos anticoiso, uma carrada de lenços-de-papel amarfanhados de muco… Continuar a ler

Opinião

Rosário Breve – Farto de Santarém (?)

Em uma manhã que só não se fez perfeita por cometer, ela, o pecado de parecer perpétua, fui feliz como um passarito saciado. O caso foi que, a tempo & horas, me remuneraram generosamente por certo trabalho de escrita algo trabalhosa, pois que de muita letra. Massa no bolso, fui logo almoçar fora. Enfardei toda… Continuar a ler

Opinião

Rosário Breve – Leiam só o ponto 4

1 Só os presidentes camarários de Alpiarça e do Cartaxo, na companhia de um vereador do PS da edilidade de Santarém, estiveram, a par de mais de uma centena de cidadãos eleitores-mas-não-eleitos, em recente apresentação pública do Projecto Tejo. TODOS OS OUTROS (perdoe-se-me a maiúscula exclamação) autarcas democraticamente eleitos do & pelo Ribatejo houveram por… Continuar a ler

Opinião

Rosário Breve – Só me falta o livrete

Há já muitos anos que não tenho automóvel. Não o digo por choramingona auto-lamentação. Digo-o como reiteração da ironia da vida. E a ironia está no que se segue: cimentei amizade com uma viúva rica. Melhor da festa – não tem filhos nem irmãos, nem sobrinhos sequer: apenas & tão-só uns vagos afilhados não de… Continuar a ler

Opinião

Rosário Breve – Três curtas-metragens

1 Baile de sábado-à-noite em associação recreativa de lugarejo. Os casados no bufete. As casadas, em casa. Os solteiros, à caça. As solteiras, ao alcance de tiro. Lâmpada de luz-roxa, bola-de-espelhos. Fora do recinto, mais motorizadas do que carros. Dentro, a latência biológica, predatória, rapace: fervor da pré-procriação. Uma das solteiras: olhos iridescentes, carnação (gene)rosa,… Continuar a ler

Opinião

Rosário Breve – Quase tal mãe, quase tal filho

Reconheci-os sempre – e ao longo de quase cinquenta anos. Mãe & filho. Nunca soube de homem dela nem de pai dele. A pobreza deles era tão próxima da miséria quão esta minha unha deste dedo meu. Cheiravam: pelo próprio nariz como aos outros. Não-utentes de balneário próprio nem público, atingiram a tez encardida e… Continuar a ler

Opinião

Rosário Breve – Também sou capaz de amar um gajo

É sem minimamente mentir que posso dizer que o conheço de toda a (minha) vida. Sei muito dele. O que não sei, tento angariá-lo mercê de honesto estudo & de inquebrantável observação – e quando estes dois instrumentos resultam lacunares, supro o improvável pela imaginação, essa memória criativa que o porvir nos concede para que… Continuar a ler

Opinião

Rosário breve – Ela por ela

1 Sofia Sócrates, aluna da Escola Secundária Sá da Bandeira, em Santarém: “Existem muitas formas de ditadura, e hoje é contra ditaduras sem rosto, silenciosas e invisíveis, que temos de continuar a lutar.” Estas palavras vêm na página 9 da edição imediatamente anterior a esta deste Jornal. Foi na peça intitulada “Tributo a Salgueiro Maia… Continuar a ler

1 2 3 22
0 0.00
Ir para Topo