Março 4, 2024

O Ribatejo | jornal regional online

Informações sobre Portugal. Selecione os assuntos que deseja saber mais sobre a Folha d Ouro Verde

Os ossos de 45.000 anos descobertos na caverna são os restos mais antigos de humanos modernos na Europa Central

Os ossos de 45.000 anos descobertos na caverna são os restos mais antigos de humanos modernos na Europa Central

Os humanos modernos cruzaram os Alpes para o frio norte da Europa há cerca de 45 mil anos, o que significa que podem ter coexistido com os neandertais na Europa durante milhares de anos a mais do que os especialistas pensavam anteriormente, de acordo com uma nova investigação.

A descoberta de 13 fragmentos ósseos pertencentes a Homo sapiens que ocupou uma caverna na Alemanha há cerca de 44.000 a 47.500 anos – listada como a caverna mais antiga conhecida H. são Os pesquisadores disseram que os restos mortais eram provenientes da Europa Central e Noroeste. Essa descoberta também surpreendeu a equipe, pois constatou-se que o clima da região era frio naquela época.