Abril 25, 2024

O Ribatejo | jornal regional online

Informações sobre Portugal. Selecione os assuntos que deseja saber mais sobre a Folha d Ouro Verde

Projeto “Orgulho de ser Luso-Canadiano”

Projeto “Orgulho de ser Luso-Canadiano”

De acordo com um relatório CorrespondênciaEntre 2006 e 2016, houve pelo menos um projeto “Orgulho de ser Luso-Canadiano” anualmente numa cidade canadiana, começando em Vancouver, na costa oeste do país.

“Queremos incentivar os jovens a terem orgulho das suas origens e a aprenderem sobre a sua origem”, declarou Terry Costa.

Luso-canadense radicado na ilha do Pico, nos Açores, não há dúvida de que o projeto “teve impacto na geração jovem portuguesa”.

“Em 2012, numa conferência com 300 jovens de universidades canadianas, fizemos um inquérito e apenas 20 por cento tinham estado em Portugal. Porém, muita coisa mudou desde então porque nós os incentivamos”, destacou.

O projeto pretende educar a sociedade portuguesa que “fascina os jovens” e abre portas para o seu “futuro”.

“É importante lançar luz sobre a actual comunidade luso-canadiana na sociedade canadiana”, acrescentou.

Terry Costa confirmou os preparativos para uma “nova temporada do evento”, que terá lugar em Toronto, uma década depois da última edição.

“Queremos dar destaque às novas gerações, às novas ideias, aos artistas e aos criadores. O principal objetivo é incentivar a juventude de todo o país, especialmente os estudantes universitários, a participar de uma forma ou de outra: conferências, apresentações de livros, música, dança, teatro, música contemporânea, arte”, explicou.

Para a edição de 2025 do projeto está a ser preparada uma “grande exposição” de arte contemporânea, convidando artistas de origem portuguesa a “juntar-se ao projeto”.

Uma edição de muito sucesso foi o evento “Proud to Be Portuguese Canadian” de 2012, em Toronto, com o apoio de governos como Portugal, Açores e Madeira.

Em 2002, Terry Cotta foi fundada Miratech Artes A associação, com sede em Vancouver, Canadá, mudou a sede da organização para a Ilha do Pico em 2012, onde organiza eventos culturais, incluindo os festivais Fringe e Cortas.