Abril 21, 2024

O Ribatejo | jornal regional online

Informações sobre Portugal. Selecione os assuntos que deseja saber mais sobre a Folha d Ouro Verde

O pai de Taylor Swift, Scott Swift, foi acusado de agredir um fotógrafo

O pai de Taylor Swift, Scott Swift, foi acusado de agredir um fotógrafo

Fonte da imagem, Imagens Getty

Comente a foto,

Taylor Swift com seu pai Scott

A polícia australiana está investigando a alegação de um fotógrafo de que ele foi agredido pelo pai de Taylor Swift.

Ben McDonald, 51, acusou Scott Swift, 71, de lhe dar um soco no rosto em uma doca de Sydney. Ele não precisou de assistência médica.

O confronto aconteceu na terça-feira, depois que Swift e a estrela pop desceram do barco.

A mídia local informou que um porta-voz do cantor não abordou a alegação de agressão, mas disse que duas pessoas se comportaram de forma agressiva com eles.

Um videoclipe publicado pela mídia australiana mostra a cantora, escondida sob um guarda-chuva, caminhando com seu pai e seguranças ao longo da área de Neutral Bay Wharf por volta das 02h30, horário local (15h30 GMT de segunda-feira).

As câmeras disparam duas vozes – supostamente um fotógrafo e um guarda – acusando-se mutuamente de tocar em guarda-chuvas. Não está claro se a filmagem retrata o suposto incidente.

MacDonald disse à Australian Broadcasting Corporation que o cantor entrou no carro quando Swift o atacou.

“Em 23 anos fazendo isso, nunca fui agredido, muito menos socado na cara pelo meu pai”, disse ele.

O representante da cantora disse: “Duas pessoas avançaram agressivamente sobre Taylor, agarrando seu pessoal de segurança e ameaçando jogar um dos funcionários na água”.

Swift tinha acabado de realizar o último show australiano de sua famosa turnê Eras.

“O jovem relatou o incidente e oficiais do Comando da Área Policial de North Shore estão agora conduzindo investigações”, disse a Polícia de Nova Gales do Sul em um comunicado.