Junho 15, 2024

O Ribatejo | jornal regional online

Informações sobre Portugal. Selecione os assuntos que deseja saber mais sobre a Folha d Ouro Verde

Alunos e professores da BMC Durfee High School de Fall River se divertem em Portugal

Alunos e professores da BMC Durfee High School de Fall River se divertem em Portugal

FALL RIVER — Quando solicitados a avaliar sua recente viagem a Portugal durante as férias de primavera, Escola Secundária BMC Durfee Alunos e professores precisam apenas de uma palavra: incrível.

“Foi uma experiência inesquecível”, disse na segunda-feira Tiberio Melo, professor de línguas mundiais da Durfee. “Era como um museu ambulante. Andar pelas ruas era como andar por um museu; havia tanta história ao seu redor.”

Vinte e sete alunos e seis docentes viajaram de 12 a 21 de abril, incluindo visitas porto, Guimarães, Praga, Coimbra E alguns lugares menores.

“É um mundo diferente; O país inteiro é diferente”, disse Sergio Diaz, um veterano.

A principal paragem do grupo foi o Porto, onde exploraram o centro histórico da cidade – classificado Património Mundial da UNESCO – e admiraram a sua magnífica arquitetura e as belas vistas sobre o rio Douro.

O grupo foi presenteado com muitas experiências únicas. Receberam um tapete vermelho na Câmara Municipal, onde puderam sentar-se em salas de reunião e ficar em pé numa grande varanda com vista para a Avenida dos Aliados, privilégio reservado apenas a ocasiões especiais.

O grupo percorreu ainda o Museu de História Natural e da Ciência e o icónico Mercado do Bolho, saboreando uma gastronomia variada da região, espetáculos de folclore tradicional e um jogo de futebol entre Porto e Santa Clara.

“Foi muito legal ver toda a cultura”, disse a sênior Josie Cain.

“A comida estava muito boa”, acrescentou Diaz. “Há muita comida portuguesa aqui, mas lá se faz melhor.”

Brooke Sylvia, aluna do último ano, disse que adora aprender sobre a arquitetura histórica e a atmosfera única. Uma das coisas de que ele mais gostava eram as apresentações de rua únicas.

“Eles são muito legais”, disse ela. “Vimos alguém tocando música nos vegetais.”

Em Guimarães, visitaram o berço de Portugal. Em Praga, escalaram o histórico local de peregrinação do Bom Jesus do Monte. Fizeram surf na praia de Matosinhos e praticaram tirolesa e escalada na Ribeira de Pena.

“Portugal é muito bonito”, disse o sénior Destani Aloua-Rioux. “Há muito esforço de conservação. É muito bom ver todos os detalhes das construções.

Em Coimbra, fizeram uma visita privada a uma das universidades mais antigas do mundo e fizeram algumas experiências simples com investigadores em laboratórios de ciências.

Mas um dos momentos mais marcantes da viagem foi quando os alunos encontraram os amigos do Grupo Ribadoro. Há cerca de um mês, 50 alunos e cinco professores de três colégios particulares de Ribadoro passaram algum tempo no Derby High School. Agora é hora dos alunos e professores da Durfee repensarem a frequência.

O professor de línguas mundiais da Durfee, Tony Rodrigues, disse que a viagem foi repleta de atividades enriquecedoras e experiências culturais, que o professor do Grupo Ribadouro, Nuno Lino, ajudou a planear.

“A hospitalidade tem sido incrível”, disse Rodriguez. “Tivemos momentos maravilhosos. Aproveitamos muito.

A professora de línguas mundiais de Durfee, Shelly Silvia, disse que os alunos definitivamente criaram memórias que durarão a vida toda.

“Foi uma experiência incrível que lhes permitiu mergulhar na cultura e na história”, disse ela. “Eles tiveram experiências da vida real além da sala de aula.”

A professora de idiomas da Durfee, Lisa Correia, disse que ficou satisfeita com as reações dos alunos.

“Eu adorei”, disse ela. “Ver seus rostos me lembra por que ensino português.”