Maio 18, 2024

O Ribatejo | jornal regional online

Informações sobre Portugal. Selecione os assuntos que deseja saber mais sobre a Folha d Ouro Verde

Preços da habitação continuam a subir

Preços da habitação continuam a subir

Conforme relatado pelo Instituto Nacional de Estatística (INE) o aumento médio anual dos preços das casas existentes (13,9%) é superior ao das casas novas (8,7%).

No último trimestre de 2022, a taxa de variação ano a ano do IPHab foi de 11,3%, 1,8 pontos percentuais abaixo do trimestre anterior.

No quarto trimestre de 2022, o crescimento dos preços das casas existentes superou o das casas novas, em 12,7% e 7,1%, respectivamente.

Em 2022 foram transacionados 167,9 mil fogos, mais 1,3% do que em 2021, e o valor dos imóveis transacionados foi de 31,8 mil milhões de euros, o que representa um aumento de 13,1% face ao ano anterior.

Por categoria, registou-se uma redução de 0,1% no número de casas existentes e um aumento de 11,6% no valor das transacções, enquanto nas novas habitações registou-se um aumento de 8,5% no número de transacções e um aumento de 18,2% no valor.

No quarto trimestre de 2022 foram vendidas 38.526 casas, 16,0% a menos que no mesmo trimestre de 2021 e 8,8% a menos que no trimestre anterior.

Nos últimos três meses de 2022, as transações de habitação totalizaram 7.400 milhões de euros, menos 10,5% do que no período homólogo de 2021.

Em 2022, face a 2021, foram vendidas 10.722 habitações num total de 3.600 milhões de euros a compradores com residência fiscal fora do território nacional, com crescimentos de 20,2% e 25,3% respetivamente em número e valor.