setembro 25, 2022

O Ribatejo | jornal regional online

Informações sobre Portugal. Selecione os assuntos que deseja saber mais sobre a Folha d Ouro Verde

Portugal vai lançar vacinas de reforço da COVID na próxima semana

Um profissional de saúde prepara uma dose da vacina contra a doença do coronavírus da Pfizer (COVID-19) em um centro de vacinação no Seixal, Portugal, em 11 de setembro de 2021. REUTERS/Pedro Nunes/Arquivos

Inscreva-se agora para ter acesso gratuito e ilimitado ao Reuters.com

LISBOA, 2 Set (Reuters) – Portugal começará a vacinar pessoas contra a Covid-19 com doses de reforço na quarta-feira, com a vacina contra a gripe sazonal prevista para aumentar as infecções após o verão, disse o chefe da comissão de saúde, DGS, nesta sexta-feira.

Os dois boosters a serem utilizados são fabricados pela BioNTech-Pfizer e Moderna. Eles foram aprovados pela Agência Europeia de Medicamentos (EMA) na quinta-feira para proteger contra novos tipos de Covid-19.

A versão BA.1 do Omicron, conhecida como injeções bivalentes, combate o vírus original detectado pela primeira vez na China em 2020.

Inscreva-se agora para ter acesso gratuito e ilimitado ao Reuters.com

“Durante esta temporada outono-inverno, as pessoas devem se proteger contra a Covid e a gripe grave”, disse a chefe da DGS, Graça Freitas, a repórteres. A campanha de vacinação terá início no dia 7 de setembro”, disse.

As pessoas com mais de 80 anos e aquelas com problemas de saúde subjacentes terão prioridade, disse ele.

Ambas as injeções – o reforço Covid e a gripe – são administradas ao mesmo tempo, uma em cada braço. Campanha de Vacinação Dez. Será realizado até o dia 17

Portugal realizou um lançamento de vacina aclamado internacionalmente e, embora o país tenha visto um aumento nos casos devido à rápida disseminação da variante Omicron nos primeiros meses do ano, as mortes e hospitalizações ficaram muito abaixo dos níveis observados nas ondas anteriores.

READ  Bernardino demite-se da comissão do mercado obrigacionista português | Notícia

Inscreva-se agora para ter acesso gratuito e ilimitado ao Reuters.com

Reportagem de Patrícia Vicente Rua; Edição por Andre Caleb e Mark Porter

Nossos padrões: Princípios de Confiança da Thomson Reuters.