janeiro 27, 2022

O Ribatejo | jornal regional online

Informações sobre Portugal. Selecione os assuntos que deseja saber mais sobre a Folha d Ouro Verde

No. 1 Baylor, o último time invicto na liga de basquete masculino da Divisão I, cai para o Texas Tech

e então não havia nenhum. Ambas as equipes No. 1 Baylor e No. 5 USC, as equipes restantes invicto da Divisão I de basquete masculino, sofreram perdas na noite de terça-feira.

A sequência de 21 vitórias de Baylor, que começou na temporada passada, terminou com uma derrota por 65-62 para o número 19 do Texas Tech em Waco, Texas.

Os Red Raiders têm lutado com lesões e os desafios do COVID-19 nas últimas semanas. Mas Kevin McCullar, que havia perdido os dois jogos anteriores de sua equipe devido a uma lesão no tornozelo, voltou contra os Bears para marcar 12 pontos no banco e foi um dos cinco artilheiros de dois dígitos do Texas Tech. Armas de Adônis Ele subiu e liderou a equipe com 14 pontos.

“Meus tornozelos… eu não sabia se ia jogar até o início”, disse McCullar após a partida. “Basta estar preparado”, disse o treinador.

Texas Tech jogou sem Terence Shannon Jr., artilheiro da equipe (14,3 PPG), que perdeu seu sexto jogo consecutivo enquanto lidava com uma lesão nas costas.

Baylor foi o primeiro campeão desde Duke em 2001-02 a ser o último time invicto no basquete universitário, de acordo com a ESPN Statistics and Information Research.

A vitória de Stanford por 75 a 69 sobre a USC na terça-feira ocorreu em uma arena quase vazia devido aos protocolos do COVID-19. O cardeal foi suspenso por quase três semanas, mas retornou em seu primeiro jogo desde 23 de dezembro para derrotar um dos cinco melhores times da USC. Harrison Ingram E Spencer Jones Ambos marcaram 21 pontos para a Universidade de Stanford, que garantiu sua primeira vitória entre os cinco primeiros desde 2007.

READ  Australian Open: Tennis Australia diz que lamenta profundamente o impacto que a saga de Novak Djokovic teve nos jogadores

Baylor entrou na partida de terça-feira à noite como a semente número um na previsão do analista da ESPN Joe Lonardi. Lonardi então twittou que os Bears ainda seriam o número um no geral.