dezembro 5, 2022

O Ribatejo | jornal regional online

Informações sobre Portugal. Selecione os assuntos que deseja saber mais sobre a Folha d Ouro Verde

Governo português continua otimista apesar do estabelecimento do fornecimento de gás nigeriano – EURACTIV.com

Os problemas de fornecimento de gás da Nigéria não afetarão significativamente as contas e suprimentos de energia, já que a gigante de energia Galb comprará gás em outros lugares para cumprir suas obrigações contratuais, assegurou o governo na terça-feira.

Na segunda-feira, a Galb admitiu ter cancelado outra entrega de GNL da Nigéria prevista para o final de outubro, mas disse que já havia confirmado que levaria esse volume ao mercado e não esperava mais cancelamentos.

O ministro do Ambiente e Ação Climática, Duarte Cordeiro, disse: “O que precisa ser esclarecido é que a Galp deve comprar gás natural no mercado para satisfazer os seus clientes e as suas obrigações legais.

Falou a jornalistas portugueses no Luxemburgo No final de uma reunião de ministros de energia da UE, Cordiero disse que a Europa está “em um ponto em que os preços do gás estão caindo”. […]Como o armazenamento de muitos países está cheio, há mais oferta do que demanda, então os preços estão caindo.

“Suspeito que o impacto será muito significativo, pois os preços do gás estão muito mais baixos do que foram e têm sido muito mais baixos nos últimos dias”, disse o ministro quando questionado sobre o possível impacto nas contas dos clientes.

Além disso, o ministro salientou que Portugal adotou “uma série de medidas de preparação para o inverno”, como campanhas de promoção do armazenamento de gás, energias renováveis ​​e poupança de consumo.

“No geral, as medidas estão nos protegendo”, disse ele, acrescentando que as reservas estão em um mês e meio.

Em meados de outubro, a Nigeria LNG Ltd informou que a Galp tinha alertado para “reduções significativas na produção e oferta de gás natural liquefeito” devido às chuvas e inundações na África Ocidental e Central, o que poderá comprometer o abastecimento de Portugal. À nota enviada pela empresa portuguesa à Comissão de Valores Mobiliários.

READ  Qual é o futuro do Casino online e do iGaming em Portugal?