novembro 27, 2022

O Ribatejo | jornal regional online

Informações sobre Portugal. Selecione os assuntos que deseja saber mais sobre a Folha d Ouro Verde

Gerente Geral Assistente de Incêndio Astros Scott Powers

O Houston Astros demitiu o gerente geral assistente Scott Powers Jeff Bassan da ESPN. Isso ocorre logo após a demissão do gerente geral James Click da hoje mais cedo. Conforme observado por Passan, as forças contratadas se afastaram dos Dodgers em janeiro.

A separação dos Astros com Click foi o primeiro dominó a cair em uma surpreendente série de eventos que se seguiram à vitória dos Astros no Campeonato Mundial de 2022. Apesar dos relatos de atrito entre Click e o proprietário Jim Crane, muitos especularam que uma vitória no Campeonato Mundial ainda assim ser suficiente para superar essas tensões e manter o trem da massa em movimento. Em vez disso, os obstáculos pareciam grandes demais para serem montados, apesar dos Astros triunfantes aparecerem em 2022. Depois que o Click foi removido da imagem, assumiu-se que alguns funcionários também seriam demitidos, e isso realmente aconteceu com as forças enviadas pela porta atrás do clique.

Bowers foi diretor de análise quantitativa do Dodgers até ser Contratado por Astros Em janeiro de 2022. Andrew Ball também foi nomeado membro associado da Assembleia Geral na época e trabalhou com o sistema Click in the Rays. Nenhuma informação foi divulgada sobre sua condição, mas é justo se perguntar neste momento se Crane está determinado neste momento a excluir qualquer um que ele veja dos caras do Click. Deve-se notar que Click foi contratado depois que os esforços dos Astros para roubar sinais surgiram em 2017 após a temporada de 2019. O chefe de operações de beisebol Jeff Luno foi demitido e Click foi contratado logo depois. Embora a equipe tenha continuado a ter um bom desempenho, parece que as coisas não foram tão boas nos bastidores. Apesar das demissões, Click and Powers e qualquer outro que acabar saindo certamente receberá muita atenção de outras equipes da liga com base em um histórico de resultados em campo.

READ  Por que Aaron Boone se voltou contra o governo dos Yankees, Brett Gardner Retorna | 6 notas

Os Astros agora estão enfrentando bastante rotatividade no front office. Além de Click and Powers, e quaisquer outros movimentos que podem ou não acontecer, alguns executivos deixaram empregos em outras organizações. Há um mês, gigantes contratado Pete Boutella, outro gerente geral assistente em Houston, para ser seu gerente geral. Oz Ocampo, olheiro e CEO de longa data dos Astros foi Contratado recentemente Para ser uma assembléia geral com os Marlins.

Isso coloca os Astros em uma posição estranha e possivelmente sem precedentes. Por um lado, são os campeões mundiais, tendo levantado o troféu há menos de uma semana. Este é apenas o mais recente sinal de sucesso em uma longa série de resultados, pois eles se classificaram para o ALCS em cada uma das últimas seis temporadas. Por outro lado, eles terão que se esforçar rapidamente para preencher uma recepção sangrenta de membros enquanto fazem planos para defender seu título em 2023.

Muitos questionaram se David Stearns pode ser um candidato por duas razões. é recentemente se afasta De seu papel como chefe de operações de beisebol dos Brewers e em uma posição mais consultiva, ele também foi membro associado da AGM com os Astros antes de ir para Milwaukee. No entanto, ele ainda está sob contrato por mais um ano e não vai a lugar nenhum, e reiterou essa posição hoje Adam McCalvey da MLB.com. “Vou repetir o que disse anteriormente: não vou a lugar nenhum”, disse Stearns, “estou comprometido em aconselhar Mark [Attanasio, Milwaukee’s principal owner] E a [general manager Matt Arnold] de qualquer maneira que eu puder. E é quem.”