maio 17, 2022

O Ribatejo | jornal regional online

Informações sobre Portugal. Selecione os assuntos que deseja saber mais sobre a Folha d Ouro Verde

Costa confirma aumento do salário mínimo

O salário mínimo mensal deverá subir para 45 euros em janeiro do próximo ano.

Essa ideia foi reafirmada pelo líder do PS Antonio Costa. O primeiro-ministro garantiu que o salário mínimo seria aumentado para 750 euros, mantendo a trajetória já definida pelo governo, mesmo com a aceleração da inflação.

Apesar da forte subida dos preços, António Costa mantém o seu objetivo de elevar o salário mínimo para 750 euros em janeiro de 2023, o que mantém o caminho definido no plano eleitoral. O objetivo é chegar a 2026 com um salário mínimo de 900 euros.

“Mantemos o nosso objetivo de continuar o caminho do aumento do salário mínimo nacional. Estabelecemos uma meta: chegar a 750 euros até 2023. Depois disseram que não era verdade. Estamos avançando gradualmente, estamos em 705 euros, e no próximo ano avançaremos para 750 euros”, disse António Costa, prometendo “diálogo com os parceiros”.

Em janeiro, antes das eleições, António Costa concordou que até 2026 poderia ultrapassar os 900 euros, se houvesse condições para tal. “Ficamos satisfeitos em ver tantos empresários dizendo que precisamos dar um salto em direção ao salário mínimo. Tive uma reunião com empresários e alguns disseram que o salário mínimo nacional deveria ser de pelo menos mil euros”, disse na altura, antes que a inflação acelerasse em Portugal.

READ  Covit-19: atualização de Portugal, 8 de março