Carta Aberta de Manuel Rezinga aos leitores

em Opinião

Por achar que vos é devido um esclarecimento, aí vai:

Como já devem ter constatado, pelo menos os mais atentos, o Manuel Rezinga não existe como indivíduo com BI ou CC próprio. Manuel Rezinga é um pseudónimo utilizado como assinatura de crónicas que alguém se propôs escrever no semanário O Ribatejo e que durante vinte e três semanas seguidas, procurou identificar e dar pistas para solução de problemas e situações existentes no Concelho de Santarém, de modo que essa expressão critica fosse um alerta para os poderes autárquicos e para conhecimento dos munícipes.

As razões porque esse alguém real levou a adotar um pseudónimo na assinatura das suas expressões públicas são atendíveis e comuns a outros casos semelhantes:

  • A identificação do escrito com uma personalidade que, tendo ou não imagem pública ou tendência politica/partidária conhecida, levaria inevitavelmente a um juízo e preconceito e à leitura com opinião condicionada da crónica. Isso não acontece se o autor é completamente desconhecido.
  • Não existe intenção da pessoa real em ser conhecida pelo simples facto de não ter ambições pessoais, políticas ou mediáticas, e apenas querer contribuir para o conhecimento e, caso seja possível, para a melhoria do que se passa no nosso Concelho.

Estas foram as razões porque Manuel Rezinga também criou a sua página no Facebook com um perfil que pretende apenas contribuir para esclarecimento e discussão de problemas locais e que toquem a cultura e a vivência dos scalabitanos. Apesar de ser um perfil falso, nunca nessa página houve ou haverá diálogos insultuosos ou respostas de Manuel Rezinga a provocações insidiosas e de má fé e deverá continuar a ser um espaço aberto à recolha de informação e de discussão aberta sobre questões de Santarém.

Apesar de não ter nascido em Santarém, vivo no Concelho há mais de quatro décadas e considero esta a minha terra. Espero que em breve possa continuar a contribuir com as minhas parcas capacidades literárias, para alertar, denunciar e propor soluções para alguns dos muitos problemas de Santarém, continuando com o pseudónimo de Manuel Rezinga.

 

Manuel Rezinga

Deixe uma resposta

Your email address will not be published.

*

Ultima de Opinião

CRIA, um apelo

Caros leitores, no seguimento do meu artigo de opinião sobre as desassossegadoras

Santarém e os animais

Os animais não humanos são seres sencientes e com emoções, procuram água,
0 0.00
Ir para Topo