Hospital de Santarém vence Prémio Saúde Sustentável 2017

em Últimas

O Hospital de Santarém foi o vencedor da edição de 2017 do Prémio Saúde Sustentável, iniciativa que tem como objetivo distinguir e premiar entidades públicas, privadas ou do sector social, que se tenham destacado por promover e implementar práticas e ações de sustentabilidade com impacto tangível na saúde. Um júri exigente composto por 15 elementos, presidido pelo Dr. Jorge Sampaio, avaliou durante meses, as candidaturas apresentadas pelos Hospitais de todo o país, em quatro categorias.

A directora geral da Sanofi Portugal a entregar o prémio de Cuidados Hospitalares ao Presidente do Conselho de Administração do Hospital Distrital de Santarém.

Na categoria de “Cuidados Hospitalares”, foram finalistas o Hospital de Santarém, que foi o Vencedor, e o IPO do Porto e Hospital de Cascais, que receberam Menções Honrosas.

Projeto pioneiro do
Hospital de Santarém
O Prémio Saúde Sustentável foi atribuído ao Hospital de Santarém como reconhecimento de mérito do Projeto “Ambulatório Programado de Alta Resolução (APAR)”, dado o seu carácter pioneiro em Portugal e com enorme potencial de replicação.
O APAR é um novo modelo de organização do atendimento em ambulatório, particularmente vocacionado para a satisfação das necessidades dos utentes, de forma rápida, eficaz, clinicamente segura e resolutiva, refere a nota de imprensa do Hospital.
Trata-se de um Projeto que teve em atenção as circunstâncias de uma população geograficamente muito dispersa, residindo, por vezes, a largas dezenas de km do Hospital, e com sérias dificuldades de mobilidade, em termos físicos e financeiros.
O APAR tem como objectivo melhorar os serviços de saúde prestados aos utentes, implementando um novo conceito de atendimento: consulta de acto único. Este consiste em que, no mesmo dia, o utente seja observado pelo médico, sejam realizados os exames complementares de diagnóstico necessários à obtenção de um diagnóstico, após os quais regressará a casa já com uma proposta de tratamento e/ou tratamento.
Para um número significativo de doentes o acto único poderá incluir um procedimento cirúrgico ou uma pequena cirurgia. Daqui resulta uma redução efetiva de tempo relativo à estadia do utente no hospital, reduzindo o tempo de espera para o seu diagnóstico e tratamento, e evitando muitas vindas ao Hospital.
Segundo o Hospital de Santarém, este Projeto que já é uma realidade, encerra em si um potencial enorme que se catapultará para níveis de excelência à medida que os Serviços mais vocacionados vejam reforçados os seus efectivos médicos. Todos os Serviços cirúrgicos são potenciais promotores, com especial enfoque para o ORL, Oftalmologia, Dermatologia, Cirurgia Geral, Ortopedia, entre outros.

Deixe uma resposta

Your email address will not be published.

*

Ultima de Últimas

Um Homem da Cultura

Faleceu João Gomes Moreira, um homem generoso, solidário, gostando de se ver
0 0.00
Ir para Topo